Tamanho da fonte:

Fama e muito dinheiro costumam ser as respostas mais frequentes para a pergunta acima. O Estudo de Adultos em Desenvolvimento, realizado pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, acompanhou a vida de 724 homens durante 75 anos. Desse total, 60 sobreviveram, ainda participam do estudo, e estão na faixa dos 90 anos. A conclusão da pesquisa aponta que os bons relacionamentos fazem as pessoas mais felizes e saudáveis.

Os pesquisadores, que se revezaram durantes essas décadas, seguiram dois grupos de pessoas, que foram entrevistados a cada dois anos: o primeiro, de alunos da Universidade de Harvard, que se formaram durante a Segunda Guerra, e o segundo, de garotos pobres de Boston. “A vida desses homens seguiram os mais variados caminhos” , diz o psicanalista Robert Waldinger, atual diretor da pesquisa.” Um virou presidente. Mas teve quem se formasse advogado, entrasse para trabalhar em fábrica, alcóolatras, esquizofrênicos, entre outros destinos.

Nesta conversa para o TEDxBeaconStreet em 2015, que já possui mais de 16,5 milhões de visualizações, Robert Waldinger compartilha três lições importantes, bem como algumas práticas antigas e sábias sobre como construir uma vida longa e feliz.